Widget Image
19/09/2021

Governo espanhol volta a rechaçar referendo de autodeterminação pactado com Catalunha

Governo espanhol volta a rechaçar referendo de autodeterminação pactado com Catalunha

Um dia após a publicação da carta de Oriol Junqueras, em que defendia o referendo pactado como “a única viável” solução para o conflito político, Adriana Lastra, porta-voz do PSOE no Congresso espanhol, deixou claro que “o governo espanhol não está disposto a aceitar nenhum referendo de autodeterminação pactado com a Catalunha“. Nesse sentido, a representante do governo espanhol disse que “toda negociação deverá acontecer no marco do estado de direito espanhol”.

Vale a pena ler: Oriol Junqueras defende que independência da Catalunha seja pactada, não unilateral

“O referendo não tem lugar na Constituição espanhola”

Embora Adriana Lastra considere a carta de Junqueras “uma boa notícia”, a porta-voz espanhola relembrou ao líder independentista que o PSOE “sempre foi claro sobre o tema”, e que “o referendo não cabe na Constituição espanhola”. Em relação à dissolução do governo da Catalunha em 2017, por parte do Artigo 155 aplicado pelo governo espanhol, Adriana Lastra confirmou que o “PSOE apoiou a medida” após a declaração de independência. Finalmente, a porta-voz advertiu: “Espero que ninguém tenha dúvidas sobre qual será o posicionamento deste partido”.

Vale a pena ler: Relatório do governo da Catalunha sobre as consequências do referendo de 2017

Colabore com o Aqui Catalunha
Com a sua doação, na quantia que desejar, teremos condições de melhorar o nosso serviço informativo e, portanto, de te proporcionar uma experiência única em nosso portal de notícias sobre a atualidade catalã.

CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

Cadastre-se para receber as novidades do Aqui Catalunha

Produtos da CatalunhaLivros e outros acessórios digitais

O Aqui Catalunha, em produção com Catalunha Letras, tem uma linha de produtos própria e digital. Confira!