Governo da Catalunha nomeia representantes no exterior

Com a missão de seguir internacionalizando-se, o governo da Catalunha nomeia representantes para suas três futuras delegações no exterior. Nesta terça-feira, a atual porta-voz do governo, Meritxell Budó, anunciou as nomeações de Rui Álvaro Serra da Costa Reis, Krystyna Schreiber e Ewa Adela Cylwik para as funções de representantes das delegações situadas em Portugal, Europa Central e Países Bálticos. As duas primeiras passarão pelo processo de reabertura, diferentemente da terceira.

Internacionalização em pontos estratégicos

As próximas reaberturas e abertura de delegações do governo da Catalunha deverão acontecer até o início do terceiro trimestre de 2019. Em julho do ano passado, o então secretário do departamento de Relações Exteriores do governo catalão, Ernest Maragall, anunciou a reabertura de seis delegações catalãs nestas regiões: Suíça, Alemanha, Reino Unido, França, Itália e Estados Unidos. Vale a pena lembrar que o processo de reabertura se deve ao fechamento das delegações após a suspensão do governo da Catalunha, por meio da aplicação do Artigo 155 por parte do governo espanhol.

Em relação às futuras delegações do governo da Catalunha, está nos planos a abertura em países da Ásia e da América Latina.

No mês de abril deste ano, foi anunciada a reativação de Diplocat, o Conselho de Diplomacia Pública da Catalunha, que tem como missão projetar internacionalmente a Catalunha. No próximo dia 3 de maio, Diplocat organizará um seminário, em Barcelona, que terá como tema o papel da diplomacia pública na era digital.

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Aqui Catalunha conta com você. Onde quer compartilhar a notícia?