Presidente da Catalunha é chamado ao Tribunal

Quim Torra, presidente da Catalunha, é chamado a declarar perante o Tribunal Supremo de Justiça da Catalunha. Sua presença no órgão jurídico, marcada para o dia 15 de maio, tem por base a abertura de processo por parte da Promotoria de Justiça espanhola, à petição da Junta Eleitoral Central (JEC). Tudo começou durante os dias de campanha para as eleições de 28 de abril. Na fachada da sede do governo catalão, havia pendurada uma faixa com uma mensagem de apoio aos exilados e presos políticos catalães. De acordo com a JEC, a mensagem feria a neutralidade política durante a época eleitoral.

Notícia relacionada: Promotoria espanhola abre processo judicial contra Quim Torra

A JEC havia exigido que Torra retirasse de forma imediata a faixa, mas a exigência não foi cumprida. Dias depois, uma nova faixa, com a mensagem “Liberdade de expressão e opinião” foi posta na fachada. O presidente da Catalunha será julgado por “delito de desobediência”.

Esse foi o primeiro dos episódios envolvendo a Junta Eleitoral espanhola e sua perseguição ao independentismo catalão. Nesta semana, a entidade anunciou seu veto à participação de Carles Puigdemont e sua chapa, integrada pelos ex-secretários do governo catalão, Toni Comín e Clara Ponsatí, nas eleições para o Parlamento Europeu. A decisão da JEC continua a gerar muitos debates, e não foi unânime. Seu presidente, vice-presidente e duas porta-vozes haviam votado contra a proibição. De acordo com o grupo político Junts per Catalunya, a que pertence Puigdemont, todos os recursos legais serão utilizados a fim de que o ex-presidente catalão possa concorrer às eleições europeias.

Nesta sexta-feira, às 19h, os partidos Junts per Catalunya, ERC e CUP, além das entidades ANC e Òmnium Cultural, lideram uma manifestação diante da delegação do Estado espanhol na Catalunha. Vale a pena lembrar que, no próximo domingo, a ANC submeterá à votação o guia de ações para a efetivação da independência da Catalunha.

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Aqui Catalunha conta com você. Onde quer compartilhar a notícia?