Apoio de entidades de Madrid à manifestação catalã de 16 de março

O próximo sábado, 16 de março, será marcado por uma manifestação multitudinária catalã em Madrid, onde reivindicarão o direito à autodeterminação da Catalunha e a liberdade dos exilados e presos políticos catalães. Até agora, cerca de 50 entidades sociais madrilenhas confirmaram presença na mobilização, que terá início na estação de Atocha, e finalizará na praça de Cibeles.

De acordo com a ANC [Assembleia Nacional Catalã], 380 ônibus, cuja maioria partirá da Catalunha, levarão os manifestantes a Madrid. O número de veículos, porém, deverá aumentar. A mobilização também contará com cidadãos das comunidades autônomas da Galícia, do País Basco, da Andaluzia, entre outras.

Notícia relacionada: Clamor independentista em Barcelona: ‘A autodeterminação não é delito!’

Um julgamento à desobediência civil pacífica

De acordo com o professor de Ciência Política da UNED, Jaime Pastor, que pertence ao grupo Madrileñ@s por el Derecho a Decidir, trata-se de “um julgamento aos mais de dois milhões de pessoas que exerceram o legítimo direito da desobediência pacífica, perante a violência policial”. Pastor disse que “estão sendo julgados direitos fundamentais”.

Elena Martínez, da Izquierda Castellana, afirmou que “a manifestação terá uma grande transcendência política e o apoio do povo de Madrid, onde haverá o sentimento republicano e antirrepresentativo, que aposta pelo diálogo e não pelo autoritarismo”. Ainda de acordo com Martínez, “não serão cúmplices da repressão ao povo irmão da Catalunha, e exigem a liberdade dos presos políticos e exilados”. A integrante da Izquierda Castellana completou: “Hoje, devemos dizer que defender a Catalunha é defender Madrid, para defender direitos e liberdades. Estão julgando direitos básicos como o de expressão, reunião e manifestação. Todos estamos sendo julgados”.

A manifestação deste sábado sucede a de 16 de fevereiro e a de 21 de fevereiro, data da greve geral na Catalunha. Na última mobilização, todas as províncias catalãs foram ocupadas por dezenas de milhares de pessoas que protestavam contra o julgamento aos presos políticos catalães.

 


 

Participe do financiamento coletivo do portal Aqui Catalunha

O Aqui Catalunha é o primeiro jornal brasileiro exclusivamente dedicado à Catalunha. O trabalho diário com pesquisas e publicações é exigente, e a única fonte financeira deste jornal é a base de leitores que participam do financiamento coletivo. Com a sua colaboração, o Aqui Catalunha fará mais e melhor pela informação sobre a Catalunha, exclusivamente para os leitores de língua portuguesa. Saiba, aqui, como colaborar. O Aqui Catalunha acredita que leitores vanguardistas merecem um jornal de vanguarda.

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Aqui Catalunha conta com você. Onde quer compartilhar a notícia?